Admita!

“Por um mundo onde as pessoas pensem mais e repliquem menos.”

 Talvez a única diferença entre você e aquele que você critica seja o fato dele admitir, enquanto você esconde pra manter a pose.

Uma hora a luz vem e enfim você é convencido de que importa mesmo é agradar a Deus e não a homens, e que na vida precisamos insistir em ser exatamente o que Deus quer que sejamos e não o que os outros esperam de nós.

Admiro aqueles que têm a coragem de admitir quem realmente são. Admiro aqueles que falam das vitórias com a mesma facilidade com que expõem suas fraquezas. Admiro aqueles que não negam sua humanidade. E vale enfatizar que foi nos homens que Deus, os conhecendo como ninguém, escolheu habitar.

Entregar a vida a JESUS não faz de você um anjo ou super-homem; não te torna perfeito e nem superior a ninguém.

Usamos máscaras para estar diante dos mortais e ignoramos o fato do Eterno tudo vê. Ele se relaciona com quem somos quando ninguém está nos vendo.

Admita, falta temor e tremor! O perdemos quando mantemos esta vida dobre.

Admita quem você é! Admita que você é tão carente da graça, do favor e da misericórdia de Deus quanto o seu próximo; aquele a quem você julga por ser diferente, ter gostos distintos, curtir o que você condena ou por fazer parte de uma religião diferente da sua.

Definitivamente, JESUS não veio ao mundo e cumpriu sua missão morrendo numa cruz, para que você se tornasse uma pessoa da religião.

A verdade é que Deus está muito acima de tudo o que inventamos e fazemos em nome Dele. Ele está acima das disputas por poder, cargos e plataformas. Deus está acima das nossas doutrinas e é grande demais para se conter na caixinha que insistimos em mantê-lo. A esta caixinha muitos dão o nome de ‘Gospel’.

Leia a Bíblia! Reconcilie-se e relacione-se com o Filho de Deus! Estude! Pense!

Que o seu culto a Deus seja racional e que seus discursos tenham fundamentos baseados na Palavra, para que você não seja mais um replicador de ideias, doutrinas, e opinião de outros.

Que a verdade que é JESUS nos liberte, mas nos liberte principalmente de nós mesmos!

“A religião pura e sem mácula, para com o nosso Deus e Pai, é esta: visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações e a si mesmo guardar-se incontaminado do mundo.” (Tiago 1:27).

Termino com as palavras do Papa Francisco: “Antídoto para a enfermidade de sentir-se elite espiritual é a graça de se saber pecador.”

Admita!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s